segunda-feira, 25 de fevereiro de 2008

Em Cuba, o poder mantém-se como herança, na família Castro.

(Imagem original daqui)
.
24/02/2008 - DiegoCasagrande.com.br - "O general Raúl Castro, 76 anos, foi oficializado presidente de Cuba neste domingo.
Ele sucede o irmão Fidel Castro, que renunciou por problemas de saúde após 49 anos de opressão e violação das liberdades individuais e coletivas.
Prometendo "eliminar proibições" na ilha, sem criticar Fidel, Raúl foi eleito pela Assembléia Nacional, o Congresso cubano que abriga 614 representantes, todos do Partido Comunista.
"Hoje é necessária uma estrutura mais compacta e funcional, com um número menor de organismos da Administração Central do Estado e uma melhor distribuição das funções", disse o Raul Castro, que não poupou elogios ao irmão e afirmou que ele continuará sendo ouvido.
Hugo Chávez, presidente da Venezuela com vocação totalitária similar a de Fidel Castro, foi o primeiro chefe de Estado a enviar felicitações ao novo presidente de Cuba."
.
- Um portal que luta pela democracia em Cuba:
  • Cubalibredigital es un esfuerzo profesional e independiente para informar a los cubanos de la diáspora y de la isla, así como a demócratas Latinoamericanos y de habla hispana, sobre las realidades nacionales distorsionadas por gobiernos populistas de América Latina, apoyados y financiados por la dictadura comunista implantada por Fidel Castro en Cuba

Nenhum comentário: