sexta-feira, 17 de junho de 2005

Vai mudar...


Posted by Hello
Parlamento lança concurso público para mudar bandeira e emblema

16/06/2005

A Assembleia da República moçambicana anunciou o lançamento de um concurso público para alterações da bandeira e do emblema nacionais, adoptados em 1975, ano da independência do país.

O objectivo do concurso é a recolha de propostas de alterações dos símbolos, que permanecem inalterados desde o regime de partido único da FRELIMO e que, agora, os deputados pretendem que transmitam os valores da paz, democracia e justiça social. O presidente da comissão `ad hoc´ para a revisão dos símbolos nacionais, Hermenegildo Gamito, disse que o concurso realizar-se até 15 de Setembro próximo, nele devendo participar somente artistas moçambicanos. Os resultados do concurso serão anunciados a 30 de Setembro. O vencedor ganhará cerca de 8.500 euros, cabendo ao segundo e terceiro classificados prémios de 5.000 mil euros e 3.500 euros, respectivamente, de acordo com os termos de referência do concurso hoje divulgados. O júri do concurso será composto por seis elementos, três escolhidos pela FRELIMO, partido com maior número de assentos no parlamento, dois pela RENANO-União Eleitoral, a única força política da oposição moçambicana com representação parlamentar e um presidente, que será eleito por cooptação, disse Hermenegildo Gamito. O desencadeamento ao nível nacional do concurso público para as alterações dos símbolos `é um momento de apelo ao sentimento pátrio e aos valores da unidade nacional, cultura de paz, democracia, justiça social, tolerância e harmonia´, considerou Gamito...

fonte: Imensis/Noticias Lusófonas

4 comentários:

Miguel S. disse...

Finalmente. Há uns anos esteve em discussão ams acabaram por cair num impasse. Fica agora a curiosidade para ver qual a proposta vencedora.

Um abraço.

gotaelbr disse...

A ver vamos Miguel! Que apareça então um símbolo que mostre o sorriso acolhedor do Sol Moçambicano e a esperança de seu Povo.
Entretanto, empolgado porque em Pemba é vivenciado, continuo "espelhando" por aqui seu "C., um caso difícil" e que vai animando leitores em seu episódio terceiro...
Aquele abraço e saúde,

Jaime

Miguel S. disse...

Abraço Jaime e obrigado!

Bárbara Vale-Frias disse...

Só espero que não fujam das cores quentes que tão bem caracterizam Moçambique... encarnado, amarelo, laranja... Se fosse eu a fazer a bandeira, colocava estas cores num degradé que fizesse lembrar o pôr-do-sol na savana :)