sábado, 22 de março de 2008

O cantor (natural de Pemba) Olavo Bilac e Alexandra dizem hoje o 'sim'.

Mocambique Para Todos - 22-03-2008 - CASAMENTO PELO CIVIL - Olavo Bilac e Alexandra Baptista casam hoje, pelas 16H30, numa cerimónia civil que vai ter lugar na Quinta de Santa Sofia, em São Domingos de Rana.
Após dois anos de namoro, o cantor dos Santos e Pecadores, de 40 anos, e Alexandra, 26, dizem o 'sim' perante 300 convidados, quase todos eles ligados à música. Outros vêm propositadamente de Angola, país de onde é natural a noiva, pois a família e os amigos mais próximos não quiseram perder o enlace. Uma agenda de concertos preenchida de Olavo e o facto de ter aberto recentemente um spa com Alexandra, no Cacém, vai levar ao adiamento da lua-de-mel. O casal vai apenas viajar até Moçambique em Setembro. O casamento é vedado à imprensa e o exclusivo foi vendido a uma revista.
.
NOTA: Olavo Bilac é natural de Porto Amélia (Pemba), em Moçambique.
.
Leia - Olavo Bilac: de Porto Amélia Pemba para o mundo da música - Aqui !
.
Felicidades e casamento longo !

7 comentários:

Isabel Metello disse...

Votos de uma Páscoa muito Feliz!

Abraço amigo,

Isabel Metello

Zé Paulo disse...

Fazer de um casamento, já à saída, um negócio, como a venda da "exclusividade" a uma revista, não me parece ser o melhor dos exemplos.
De qualquer forma, os desejos de felicidades para o casal.

gotaelbr disse...

Agradeço e retribuo os votos de uma Feliz Páscoa para Isabel.
Para o Zé Paulo também uma Feliz Páscoa e a ambos agradeço a visita.
Quanto ao comentário do Zé Paulo (sobre o casamento do O. B.)creio ser reflexo dos "novos tempos"...
Um abraço para ambos.

Zé Paulo disse...

Chamuar Jaime,
Novos tempos,novas formas de se ganhar dinheiro... :)
Um abraço para si e que tenha, junto aos seus, passado um Feliz Domingo de Páscoa.

Mirian Jordana disse...

Boa tarde o meu nome é Mirian, sou SOBRINHA DO CASAL, e não acho correcto o facto das pessoas comentarem a vida alheia, sem conhecerem motivos e, até mesmo, sem terem qualquer fundamento. A exclusividade do Casamento não foi feita no sentido de promover a carreira do cantor ou de tornar a sua vida publica. Achei que, como todos os que comentaram esta noticia, tinha o mesmo direito de o fazer.
Com os melhores cumprimentos, Mirian.

Zé Paulo disse...

Mirian,
Eu também acho, que como sobrinha do casal, ou mesmo não sendo, voce tem sim o mesmo direito de aqui deixar a sua opinião.
Priemrio, sem que seja necessário, ainda assim há que clarear que o Jaime só aqui reproduziu uma notícia e depois até tentou amenizar um comentário feito por mim.
Sobre o meu comentário, foi sobre um facto. Um casal público, não "alheio", casa-se e vende a festa para uma revista. Ora, isso gera receita. Não disse aqui que o cantor Olavo o fez para promover a sua carreira (asssim melhor seria abrir para toda a imprensa, mesmo que de forma organizada) ou tornar a sua vida pública, porque já a é e também seria melhor mais revistas falarem do evento.
Agora, se o casal teve outros motivos nobres, que não ganhar dinheiro com o próprio casamento, algo que para os meus conceitos é alg mais que um contrato a dois, como gerar uma receita para ser doada a questões filantrópicas, sejam elas com origem emPortugal, Moçambique ou outro ponto do planeta, já o meu comentário seria bastante diferente. Mas talvez voce possa nos passar algo sobre isso, que realmente como pessoa comum, e não pública como o seu tio, não fiquei sabendo.
Para fechar, não haja dúvidas que ser gente pública deixa-os muito mais expostos e com muito mais responsabilidades sociais, começando pelos exemplos perante o mundo que os rodeia.
Receba os meus cumprimentos e acredite que torço muito pela felicidade do casal.

Anônimo disse...

OVALO, NÃO ESQUEÇA AQUI DE ESPANHA POIS ESTAMOS A ESPERA JÁ A 2 MESES,
AYAMONTE....