quarta-feira, 26 de março de 2008

Assalto à Missão Católica no Chiúre - Detidos já são três.

Maputo, Quarta-Feira, 26 de Março de 2008:: Notícias - O número de detidos em conexão com o assalto à Paróquia Santa Isabel, na sede do distrito de Chiúre, em Cabo Delgado, ocorrido na madrugada de 14 de Março corrente, já se eleva para três indivíduos, depois da neutralização de mais um presumível membro da quadrilha e uma senhora que a Policia entende ser cúmplice, ao esconder, em sua própria casa, este último indiciado.
O Comandante da PRM em Montepuez, Matias Jacob, confirmou estes dados, assim como continua internado o primeiro detido, de nome Raulito Raul, no hospital provincial, para tratamento médico, ao mesmo tempo que revelou que o caso envolve uma mulher, cuja identidade não mencionou, por razões de segurança, e que já se encontra igualmente sob custódia policial, por contra ela haver evidentes indícios de cumplicidade.
Matias Jacob disse que o ultimo detido é identificado como sendo Inácio Serafim, 46 anos de idade, conhecido nos meandros do crime pela alcunha de Ali BaBá. Conforme a fonte, ele é descrito como reincidente no crime contra propriedade e há dois anos escapuliu-se das celas num grupo de 14 reclusos que então se evadiram da penitenciária de Chiúre.
A Polícia diz que Ali BaBá foi descoberto escondido numa casa, pertença de uma mulher, igualmente detida por encobrimento, com ferimentos no corpo, provavelmente contraídos na contenda havida no assalto à paróquia, mas que não se preocupava em ir tratar-se no hospital. Igualmente foram descobertos na mesma casa instrumentos de natureza contundente, iguais aos usados no ataque à residência paroquial.
“Quando o levámos ao hospital tivemos a informação médica de que aquelas feridas eram de há duas semanas atrás. Infelizmente ele não colabora, mas há sinais bastantes que podem fazer pensar que Ali Babá deve fazer parte da quadrilha que assaltou a residência dos missionários”, disse o comandante da Polícia.
O assalto à residência dos missionários, em Chiúre, aconteceu há 10 dias, e resultou na morte do guarda, já no Hospital Provincial de Pemba, para onde havia sido evacuado e graves ferimentos à pessoa do Irmão João Gonçalves, de nacionalidade portuguesa, ora transferido para o Hospital Central de Maputo, onde se encontra a receber tratamentos intensivos.
  • Assalto a missão católica no Chiúre deixa ferido missionário português, 17/03/08 - Aqui !

Nenhum comentário: